A ideia de atrair clientes para o restaurante com comida vegetariana como isca pareceria uma piada ruim para muitos empresários do ramo de restaurantes há alguns anos. Felizmente, os hábitos de consumo mudam e, com ele, o paladar dos clientes, que, nos dias de hoje, estão cada vez mais inclinados a descobrir novas receitas e a cuidar de sua alimentação.

Com essa evolução, os vegetais, as verduras, as frutas e as hortaliças são tendência há algum tempo, graças ao aumento de clientes vegetarianos e ao generalizado efeito “bem-estar”. Aliás, segundo o relatório de Tendências globais em comidas e bebidas 2016, publicado pela empresa Mintel:

  • A Europa Ocidental, a Austrália e os EUA são os países com maior tendência à alimentação vegetariana.
  • Os consumidores desses mercados exigem produtos cada vez mais naturais, com menos aditivos químicos ou artificiais.
  • Também preferem comidas mais rápidas e fáceis de serem consumidas.

Diante dessas mudanças, muitos restaurantes começaram a oferecer uma variedade de pratos que têm como principais ingredientes as verduras e as hortaliças, utilizando-os como uma estratégia para atrair clientes com tais preferências e também para atrair aqueles que seguem a moda da comida saudável.

Um desafio muito criativo

Os vegetais são produtos muito versáteis, podem se misturar a praticamente tudo. O desafio está em obter combinações que, além de saudáveis, sejam realmente saborosas e originais. Algumas ideias podem ser:

  • Incluir em seu cardápio entradas vegetarianas que funcionem bem, como o tempurá de legumes, a cenoura, o aipo e a abobrinha, servidos com húmus como molho (outro ímã para atrair clientes).
TheFork  Atreva-se a atrair clientes oferecendo pratos vegetarianos  Tempurá de legumes. Restaurante Casa Andrés. Costa Brava, Espanha.


Tempurá de legumes. Restaurante Casa Andrés. Costa Brava, Espanha.

  • Oferecer pratos em que os legumes sejam misturados a outros produtos, como quinoa, aveia, painço ou trigo, que também estão na “moda” e combinam maravilhosamente.
TheFork Atreva-se a atrair clientes oferecendo pratos vegetarianos  Quinoa com legumes, arroz negro e pêssegos. Restaurante Quinoa.  Florença, Itália

Quinoa com legumes, arroz negro e pêssegos. Restaurante Quinoa. Florença, Itália

  • Sirva-os em uma sopa. Na verdade, ressoa a tendência do souping, que é nada mais do que oferecer ricas receitas de sopa para o outono e o inverno. E se elas ainda são sopas cremosas de brócolis, abóbora ou a mistura de vários vegetais, certamente seus clientes não ficarão indiferentes a elas.
TheFork - Atreva-se a atrair clientes oferecendo pratos vegetarianos - Creme de vegetais. Restaurante La Rocca. Copenhaga, Dinamarca.

Creme de vegetais. Restaurante La Rocca. Copenhaga, Dinamarca.

  • Os Zoodles, ou macarrão de vegetais, também são tendência gastronômica. Eles são preparados com produtos como abobrinha ou cenoura, processados em um aparelho “espiralizador”, que os transforma em espaguetes.
TheFork Atreva-se a atrair clientes oferecendo pratos vegetarianos  Zoodles de abobrinha. Restaurante The Juice House. Barcelona, Espanha.

Zoodles de abobrinha. Restaurante The Juice House. Barcelona, Espanha.

  • Os vegetais também combinam muito bem com frutas, como o abacate. Frutas secas, como o pistache. Ervas aromáticas, como a menta e o manjericão. Sementes de sabores únicos, como o gergelim. No fim, a criatividade é servida.
TheFork Atreva-se a atrair clientes oferecendo pratos vegetarianos  Frutas baby e vegetais cozidos em sal marinho. Restaurante Le Meurice, de Alain Ducasse. Paris, França.

Frutas baby e vegetais cozidos em sal marinho. Restaurante Le Meurice, de Alain Ducasse. Paris, França.

A chave para que sua oferta de pratos vegetarianos funcione maravilhosamente é cuidar destes 2 aspectos:

#1- As descrições no cardápio. É essencial que, nas descrições de seus pratos vegetarianos, use palavras como “crocante”, “cremoso” e “fresco”, que abrem o apetite ao serem lidas, se acompanhadas de imagens muito apetitosas, além de ícones ou cores que identifiquem o prato como veggie.

#2- A apresentação dos pratos. Em nosso inconsciente coletivo, os vegetais são entendidos como alimentos entediantes, por isso, convém que sejam servidos com uma apresentação impactante e apetitosa. Uma forma de fazer isso é brincar com a variedade de cores e texturas desses produtos, para que seus clientes digam “Uau!” quando forem servidos.

Atrair clientes que voltem sempre

Uma vantagem em ter pratos com vegetais em seu cardápio é que as pessoas que forem ao restaurante, atraídas por essa oferta, terão uma alta margem de fidelização, pois valorização muito positivamente o fato de o restaurante se preocupar com a saúde de seus clientes. E se, além disso, ainda gostarem de suas receitas, a fidelização é garantida.

Por outro lado, oferecer pratos vegetarianos aumentará a suas reservas de grupos, por exemplo, pois haverá opções para todos os gostos, facilitando a decisão de compra. Para momentos especiais do ano, como as festas de Natal, é uma ótima estratégia incluir receitas saudáveis no cardápio, pois atrairão novos tipos de cliente.

Uma boa ideia para promover os seus pratos veggie é publicá-los em todos os seus canais digitais, como fez o restaurante Las Raíces del Hotel Wellington, de Madri, que conta com uma hora própria no telhado do prédio e promove os seus pratos vegetarianos em seu perfil no TheFork e no mecanismo de reservas de sua página na internet.

Clique aqui para anunciar os seus pratos vegetarianos no TheFork

Para que seus pratos vegetarianos façam sucesso no seu negócio, lembre-se de colocar neles criatividade e bom tempero e de fazer uma boa propaganda deles. Seguindo estes passos, pode se preparar para atrair clientes constantemente. Além disso, ao falar em rentabilidade, os vegetais são produtos com alta margem de lucro, graças ao seu custo baixo e à versatilidade. Precisa de mais motivos para dar a eles destaque em seu cardápio?