Aumentar a captação de clientes que visitam o seu restaurante após o trabalho, é uma boa estratégia para aumentar as suas vendas especialmente nos dias da semana que possuem menos vazão. O “happy hour” é uma tendência gastronômica que surgiu nos Estados Unidos e que tem crescido, há já algum tempo, em outras partes do mundo. A ideia é oferecer um espaço onde os clientes possam relaxar e socializar quando saem do trabalho, rentabilizando assim estes horários.

A verdade é que se o seu restaurante satisfazer as necessidades deste tipo de cliente, conseguirá uma clientela fiel que se converterá numa fonte de renda recorrente.

A primeira coisa que se deve saber é…

O que os clientes procuram quando saem do trabalho?

  • A diversão de uma forma cômoda e em grupo.
  • Quebrar o gelo entre colegas de diferentes hierarquias.
  • Desfrutar de uma oferta gastronômica antes de voltarem para casa.
  • Bons preços.
  • Fazer networking para conhecerem pessoas novas do ambiente calmo.

E por último e como principal propósito, encontrar um local para descontrair e largar a tensão da semana trabalhada. É assim que você pode aumentar a captação de clientes: satisfazendo-os, fidelizando-os e, consequentemente, aumentando as vendas.

TheFork - clientes que apreciam o Happy Hour no restaurante

Happy Hour no restaurante Work-A-Tonic

Dado: Saber o dia ou dias perfeitos para a captação de clientes no seu “happy hour”, é questão de ir experimentando. Porém, a experiência de outros negócios indica que as quintas-feiras costumam ser um bom dia, pois os clientes têm uma maior disposição para este tipo de evento quando se aproxima o fim de semana. E a que horas? A partir das 18h, quando os executivos costumam sair do trabalho.

Que tipo de serviço você deve oferecer para a captação de clientes que estão procurando por um “happy hour”?

Promoções “Happy Hour”

É evidente que os clientes irão preferir um restaurante que lhes ofereça uma experiência gastronômica especial com preço diferenciado. Pensando nisso, pode fazer promoções que envolvam a junção de bebida e comida.

Combinar cocktails ou baldes de cerveja com aperitivos ou petiscos para compartilhar, é a melhor opção, já que é uma oferta para grupos. Neste sentido pode oferecer na compra de 2 cocktails, uma degustação de aperitivos grátis, por exemplo. Também pode oferecer cervejas nacionais a um preço insuperável.

Mesas compridas e cadeiras altas

É importante que os clientes tenham uma experiência diferenciada quando almoçarem ou jantarem no seu restaurante. Por isso, o mobiliário ideal para o “happy hour” são as mesas compridas onde cabem várias pessoas comodamente e as cadeiras altas, pois acrescentam modernidade e descontração ao estabelecimento. A ideia é que os clientes se sintam tão bem que tenham uma maior facilidade em se relacionarem.

Como as mesas longas e as cadeiras altas da esplanada do restaurante Otto Madrid, onde todas as tardes oferecem promoções afterwork como forma de captação de clientes.

The Fork - captaçao de clientes con Happy Hour. Restaurante Otto Madrid

Som na caixa DJ

Outro elemento chave nos Happy Hours é a música. Os clientes querem relaxar e nada melhor que um DJ, ou um grupo de música ao vivo, para conseguir isso. Se tiver espaço, pode fazer diferente e dar a possibilidade dos seus clientes dançarem um pouco. Uma oportunidade de fazerem uma pequena “festa” entre colegas de trabalho, já que o fim de semana costuma ser passado com a família ou com os amigos. Desta forma, o seu restaurante pode servir a eles para confraternizarem com as pessoas que vêem diariamente, mas em outro contexto.

Como o restaurante Work-A-Tonic em Bruxelas, cujo modelo de negócio são as experiências gastronômicas no Happy Hour e onde a música tem papel de protagonista:

TheFork - captaçao de clientes - sessão de djs na Wok Restaurant Happy Hour

Ou como o restaurante Waterkant de Amsterdam, onde o DJ também é um elemento chave nas suas sessões deHappy Hour:

@chjanoy playing poku @ Waterkant

Una foto publicada por Waterkant (@waterkant_amsterdam) el

Atividades de networking

E se quiser levar os seus eventos de Happy Hour a outro nível, pode organizar workshops, palestras e conferências sobre melhoria profissional, técnicas de marketing, ferramentas tecnológicas, tendências empresariais, com convidados especiais e concursos. A garantia é que todas essas pessoas estarão consumindo, além de melhorar sua reputação e imagem de marca.

Conexão gratuita – Wi-Fi social

Como é de se esperar, os clientes necessitam estar sempre conectados, portanto deve oferecer uma boa conexão de internet. Como o Wi-Fi social, que lhe permite obter informações para a sua base de dados e utilizá-las na campanhas de e-mail marketing, por exemplo. Também servirá para que os clientes possam qualificar o seu restaurante e deixar opiniões em portais especializados, em tempo real.

Não se esqueça de promover o seu evento:

No seu perfil do TheFork e TripAdvisor.

No seu site.

Nas suas redes sociais.

Com Facebook ads, fazendo publicidade segmentada com os clientes que trabalhem próximos a região.

Depois do trabalho ainda existe animo e se este animo for no seu restaurante, melhor ainda! Oferecer eventos para Happy Hours pode ser uma forma efetiva de animar essas tardes monótonas no seu restaurante, potenciar a captação de clientes atingindo a outras necessidades e ampliar a oferta do seu local. Transforme-se no oásis dos muitos executivos que se querem desconectar da sua rotina agitada e ainda aumente as suas vendas e eleve a reputação do seu restaurante. O que você acha?