Food pairing: como utilizá-lo para dinamizar seu cardápio

20 Março 2019

O que é o food pairing?

O food pairing é um método científico que permite identificar misturas de sabores, às vezes surpreendentes. O método é baseado no princípio segundo qual os ingredientes combinam bem se possuírem componentes odoríferos parecidos. Assim, podemos encontrar, em um mesmo prato, dois sabores com componentes moleculares similares que, gustativamente, parecem incompatíveis.

Mesmo se as receitas de nossas avós são clássicos que não saem de moda, elas não ficam muito para trás do Foodpairing, que provou sua utilidade no mundo da gastronomia. Receitas dos chefes de cozinha mais famosos, como o macaron Ispahan (rosa, framboesa, lichia) de Pierre Hermé, as framboesas associadas às ervilhas de Sang Hoon Degeimbre ou mesmo a carne-cenoura-coco de Thierry Marx provêm do Foodpairing.

Por que criar uma refeição Foodpairing?

Para que seus clientes vivam uma experiência fora do comum

A nova refeição ou cardápio serão a ocasião para criar novas receitas! Escolha associações diferentes e surpreendentes. Elas o(a) inspirarão a novas criações, jamais vistas, e permitirão que você se destaque. Ao atualizar seu cardápio no TheFork, sua visibilidade será ainda maior.

Atrair uma nova clientela

Semelhantemente às 4 tendências culinárias de 2019 apresentadas no início do ano, a experiência Foodpairing faz parte das principais tendências da moda. Refeições especiais permitirão atrair uma nova clientela, curiosa em descobrir outros sabores. Para gastrônomos, ser surpreendidos e conquistados por um prato é fundamental. Trata-se de uma bela maneira de fidelizar novos clientes, graças aos sentidos despertados!

Receitas originais, longe de serem malucas...

A ideia é continuar a ser atraente. Certifique-se de não afugentar os consumidores com receitas malucas demais. Se o método Foodpairing afirma que o ruibarbo e o carneiro, a ostra e o maracujá ou chocolate amargo e a cebola combinam perfeitamente, teste de antemão as receitas com amigos ou parentes antes de comercializá-las.

A tendência: associar um prato e um destilado

Caso sinta um receio muito grande em arriscar, aposte em quitutes e no inesperado: associe um prato e um destilado. Esse é um outro modo, em voga, de utilizar o Foodpairing. Beber vodca ao mesmo tempo que degusta uma costela? Por que não? Hoje, sabemos que pratos combinando com perfume do whisky, rum ou vodca agradarão aos clientes. Não hesite: aposte em bebidas alcoólicas artesanais e pouco conhecidas! Assim será um pouco mais original!

Deixe-se tentar pela criação de uma combinação entre chás e confeitarias

Por que não improvisar como um Sommelier de chás? Assim como a chefe de cozinha Adeline Grattard, que combina e serve cada prato acompanhado por um tipo de chá diferente, deixe-se tentar e aprenda a combinar a famosa bebida quente com um de seus pratos. Não quer errar? Aposte em quitutes açucarados! Na verdade, é provavelmente durante a sobremesa que a combinação fará unanimidade. Uma tarte tatin combinará perfeitamente com um chá Wulong, um cheesecake de frutas vermelhas com um chá de jasmim ou um fondant au chocolat com um dos fortes chás pretos da China, como o Qimen Hao.

Caso esse artigo tenha lhe parecido útil, releia todos os artigos publicados no Blog TheFork para restaurantes. Ao clicar aqui, obtenha a ajuda da qual precisa para atrair ainda mais clientes a seu restaurante.

Descubra o TheFork Manager

Adquira maior visibilidade online

Aumente o seu índice de ocupação das mesas

Combata o não comparecimento

Confie em especialistas do setor