O quanto teria sido estranho pegar uma câmera e tirar fotos da comida há 30 anos? E quão estranho é agora estar em um restaurante cheio de clientes e nenhum deles registrar sua experiência para compartilhar com seus seguidores?

Estamos vivendo uma mudança vertiginosa em todas as indústrias, mas especialmente no marketing de restaurantes que não voltou nem voltará a ser aplicado da mesma maneira… depois do Instagram.

TheFork Como o Instagram mudou o marketing de restaurantesAntes: O cliente ligava para fazer uma reserva no restaurante que seus amigos ou familiares haviam recomendado. Chegava, desfrutava da experiência e ia embora. Em seguida, comentava com algumas pessoas, que fariam o mesmo processo. Um ritual de comer fora de casa bem simples e muito parecido para todos os clientes.

.

TheFork Como o Instagram mudou o marketing de restaurantesHoje: O cliente encontra uma foto suculenta de um prato no Instagram. Vai ao perfil do restaurante, clica no link que está na sua bio para fazer uma reserva. Chega ao restaurante, conecta-se à rede wi-fi, tira fotos ou faz vídeos dos pratos conforme eles são postos na mesa, compartilha no Instagram e é então que finalmente desfruta de sua comida, que certamente terá sido apresentada aos flashes digitais. Nesse mesmo momento, muita pessoas são impactadas por sua publicação e certamente irão ao perfil do restaurante e farão um clique em en seu link de reservas… e assim continua um ciclo de atração, venda e fidelização muito próprio do marketing dos tempos atuais.

(Se ainda não tem um link para que seus seguidores reservem, clique aqui).

É que o Instagram não serve apenas para compartilhar conteúdo gastronômico, sendo ainda mais crucial:

É usado para decidir o que e onde comer

Daí a importância que o restaurante tenha um perfil forte e suficientemente atraente, para que os usuários primeiro não o descartem e, sem seguida, o escolham. E se ainda tiver pratos, decoração e serviço que merecem ser contados em posts, Instastories ou vídeos ao vivo, aí irá explodir.

Mudança na forma de comer dos clientes

Os clientes valorizam mais a comida

Com o Instagram, a comida é o principal e faz parte primordial do estilo de vida que os clientes compartilham nas suas redes sociais. Isso fez com que se interessassem mais pelos ingredientes, pelos valores nutricionais, pela sua apresentação, seus sabores e, em geral, que estejam mais familiarizados do que nunca com o mundo gastronômico.

O Instagram conecta o universo do restaurante com seus clientes potenciais, que agora também são cativados pelo dia a dia dos cozinheiros, a mudança de decoração ou a contratação de um novo chef. Uma vantagem enorme para os negócios da área de restaurantes!

Los clientes se abrem a novas experiências culinárias

O Instagram estimula a imaginação e é uma fonte de novas ideias e produtos. Isso permitiu que os clientes se abrissem a novas experiências gastronômicas. Como uma receita feita a partir de insetos, por exemplo, que hoje não é vista apenas com curiosidade, mas também se transformou em tendência.

Essa mudança também ajuda os restaurantes a terem mais versatilidade na hora de inovar e de criar novas formas de aumentar seus lucros. Também é um empurrão para os chefs, que agora podem experimentar com mais liberdade. Como David Muñoz, cabeça do restaurante DiverXO, conhecido por suas excentricidades na cozinha. Neste post, mostra o resultado de um prato feito com sêmem de polvo, e tem mais de 4 mil curtidas.

Mudança no marketing de restaurantes

Adaptação da oferta

Quantos restaurantes adaptam a apresentação de sua oferta gastronômica para torná-la irresistível para a câmera do celular de seus clientes? Muitos! Os pratos coloridos, cremosos, oleosos, brilhantes e com mistura de texturas são os mais apreciados no universo Instagram.

Se uma receita se torna um “trending topic”, os restaurantes modificam seu cardápio para incluí-la e agradar seus clientes. Mas ainda se tratada de encher as mesas com dois tipos de cliente: os millennials e a geração Z, que nasceram e cresceram assoaciando naturalmente o ato de comer fora de casa à sua conta no Instagram. Eles simplesmente querem ser surpreendidos e depois surpreender seus seguidores.

E como surpreender um millenial? Esta faoi a pergunta que fez o The Tea Terrace, em Londres, onde criaram o Selfieccino, um capuccino com o rosto do cliente em sua espuma. Impacto garantido! Com um scanner especial, reproduzem qualquer imagem que o cliente escolha na espuma de seus cappuccinos. Uma estratégia de marketing de restaurantes que os tornou notícia.

Apresentando o ‘Selfieccino’ ….. we are proud to be the first restaurant in the United Kingdom and the whole of Europe to introduce the Selfie/Cappuccino combo. Simply take a seflie, send it to our staff at The Tea Terrace Restaurant and Tea Room at the House of Fraser in London on Oxford Street, and they will make you a delicious Selfieccino which you can show off to all your friends on Instagram, Twitter and Facebook. We have introduced new technology which allows us to print your selfie or any image or any message on the froth of your cappuccino. Don’t you think it looks amazing?! The Selfieccino only costs £5.75 and is only available at our London Oxford Street branch from December 4th onwards.

Uma publicação compartilhada por The Tea Terrace (@theteaterrace) em

Adaptação do espaço

Os restaurantes também se tornam instagrameáveis mudando a decoração e a iluminação de seus espaços, para que eles se adequem aos códigos visuais do Instagram. Materiais naturais e brilhantes, pedra, mármore, madeira, metais luminosos, louças coloridas, lâmpadas com luz difusa e, acima de tudo, beleza e originalidade são os elementos da nova linguagem digital.

Oportunidades para todos

Outra característica que merece destaque é que se trata de uma vitrine acessível a todo tipo de restaurante. Qualquer empresa pode realizar campanhas publicitárias e atrair a atenção de muitas pessoas, com um investimento razoável. Também é possível conseguir que influenciadores gastronômicos e os meios de comunicação em geral, não apenas compartilham informações dos restaurantes com estrelas Michelin, mas prestem atenção neles, nas pequenas e médias empresas que estão fazendo um ótimo trabalho diariamente.

Uma forma de democratizar a publicidade e permitir que todos os restaurantes possam atingir os clientes potenciais por meio das mesmas vias. É até a oportunidade de os pequenos restaurantes fazerem publicidade com investimentos muito baixos e atraírem muitos clientes.

DADO: Segundo um estudo realizado pelas empresas Fullscreen e MediaScience, os usuários com idade entre 13 e 24 anos não evitam a publicidade no Instagram e até chegam a compartilhá-la. O que significa que as perspectivas são positivas e incentiva os restaurantes a investirem nesse tipo de publicidade, é claro, com um conteúdo suculento.

Seu restaurante tem um perfil ativo no Instagram? Esperamos que sim!

Você pode ler esses artigos para que sua conta seja simplesmente impressionante:

7 formas de usar o Instagram Stories para o seu restaurante.

5 erros a evitar em sua conta no Instagram.

Exemplos criativos para o marketing de seu restaurante no Instagram.

E, se você já brilha no Instagram, lembramos que é vital colocar o link para seu perfil no TheFork na bio da sua conta, para que seus seguidores possam reservar em nossa plataforma. Ainda não faz parte da nossa comunidade? Sem problema! Clique aqui para se inscrever agora. Milhões de clientes o esperam!