Para atrair clientes de forma constante para o restaurante e ter um êxito contínuo, é necessário surpreender, diferenciar-se, destacar-se. Especialmente nos dias de hoje, onde as tendências de consumo mudam constantemente. A via?

Inovar = Introduzir novidades para provocar uma mudança.

Um restaurante que costume ter algumas mesas vazias, deve introduzir novos elementos para as ocupar. Da mesma forma que um restaurante na época de mesas cheias, deve estar um passo à frente da sua concorrência para se manter. É por isso que a inovação sempre foi uma parte fundamental na restauração, mas atualmente ainda mais.

O interessante é que a inovação do presente, está diretamente relacionada com detetar as necessidades dos clientes e com procurar a forma de as satisfazer. Como o primeiro restaurante que abriu as suas portas a cães, ou o primeiro que ofereceu wi-fi gratuito aos seus clientes. Estratégias inovadoras que surgiram de novas necessidades de consumo, e que obtiveram resultados incríveis.

Para inovar é necessário escutar

A escuta ativa é um termo que faz referência à monitorização constante das mudanças de estilo de vida dos clientes. Neste sentido, os restaurantes que desejem inovar, devem escutar e observar no plano da realidade tangível e no digital, as motivações, opiniões, ações e sobretudo pedidos dos clientes.

Por isso, antes de definir os elementos a introduzir num restaurante para atrair novos clientes, é conveniente fazer uma escuta ativa e responder a perguntas como estas:

  • O que estão à procura os clientes da minha zona, da minha localidade, do meu raio de ação? E os turistas?
  • De que forma posso melhorar a experiência do cliente no restaurante?

Imagine um restaurante especializado em comida caseira, situado numa zona universitária, repleta de millennials desde a manhã até à noite. O mais lógico seria aproveitar este nicho de clientes, mas… que tipo de elementos poderia introduzir para encher as suas mesas? Fazer uma escuta ativa, através das redes sociais, por exemplo, poderia dar a conhecer dados importantes, como por exemplo, que uma grande percentagem são fanáticos dos videojogos, e que se pudessem jogar num restaurante enquanto consomem, iriam frequentá-lo todos os dias. Bingo! Se o negócio mudar o seu storytelling e converter-se num local temático sobre videojogos, adaptando a sua oferta gastronómica, ambiente e serviço, é bastante provável que tenha a sala cheia assegurada, e que tenha inovado em relação à concorrência.

Como o restaurante The Advocado Show em Amesterdão, que fez uma escuta ativa para atrair os seus potenciais clientes, e terminou por se converter no primeiro restaurante da Europa especializado em abacate e a inovar em todo o mercado da restauração. Detetaram que era um produto que estava na moda na gastronomia desta parte do mundo, e que os clientes começavam a procurá-lo de forma regular.  Puseram-no no prato, cuidando da qualidade e adotando uma filosofia saudável, inovaram e os clientes responderam favoravelmente.

.

Facilitar a vida ao cliente, também é inovar

Como é evidente, inovar também é atualizar o restaurante com novidades tecnológicas, principalmente para tornar a vida dos cliente mais fácil e confortável. Pagar a conta mediante telemóvel, é um desses serviços que tudo indica que se irá converter num hábito. Trata-se de uma consequência natural do estilo de vida digital que temos atualmente, onde através do telemóvel ou dispositivo digital, controlamos tudo.  

E se ter um ecrã tátil nas mãos, já é o mais natural e intuitivo para os clientes, outra ferramenta que também se irá converter num utensílio habitual, é a ementa digital, onde os clientes podem conhecer a oferta gastronómica, a informação nutricional e de alergénios e em alguns casos até permite visualizar representações 3D dos pratos, através do seu próprio telemóvel com uma aplicação ou através de um tablet do restaurante.

Assim acontece no Bar à Huîtres em Paris, onde os clientes recebem tablets em vez de ementas de papel, e onde através dos mesmos, podem navegar por vários ecrãs para ver a oferta e escolher o que mais lhes apetece. Uma experiência mais completa, já que podem ver mais detalhadamente tudo o que acontece nos fogões.

.

.

Imprimir comida para atrair clientes

Se falarmos de inovação na restauração atual, é inevitável mencionar a comida 3D.  Restaurantes que fazem comida em impressoras? É verdade! Uma oferta bastante curiosa e que pode sacar mais de um “Uau!” aos clientes. Disso se trata, impressionar através da criatividade, porque os clientes também querem viver experiências que tenham impacto nos seus 5 sentidos quando vão comer fora de casa.  

A empresa Food Ink, cujo slogan é Taste Tomorrow Today, algo como “emperimente o amanhã agora”, é a responsável por levar estas experiências a vários restaurantes da Europa. O resultado é que os chefes destes negócios, oferecem pratos feitos através de uma impressora 3D, obtendo uma gastronomia insólita. Em Barcelona, trabalharam conjuntamente com a equipa do restaurante Yours, para fazerem um jantar de 12 pratos que deixou todos boquiabertos.

Como é evidente, o grande desafio dos restaurantes, é adaptar os seus serviços às necessidades e exigências dos clientes, que também procuram experiências personalizadas baseadas na tecnologia mais atual. É por isso que na restauração de hoje em dia, os perfis profissionais mais procurados, são aqueles que para além de cozinhar ou gerir um restaurante, são capazes de realizar ações de marketing e de utilizar eficazmente ferramentas digitais, como se pode ver no estudo realizado por LAVIÑA e TheFork sobre os novos perfis que o sector procura.

Atreva-se a inovar para atrair clientes ao seu restaurante TheForkUm desafio que se estende a todos aqueles que fazem parte do fascinante mundo da gastronomia, pois em empresas como TheFork, também devemos melhorar constantemente as ferramentas que oferecemos, para que estejam à altura das mudanças na indústria.

Nestes 3 artigos, explicamos-lhe as novas funcionalidades que incluímos nas nossas plataformas, como parte da inovação da nossa empresa. Certamente que lhe serão muito úteis para o seu negócio:

Otimize a ocupação da sua sala com um plano digital

Reduza o no-show com um sistema de reservas

Gira os seus menus de grupo com TheFork Manager

Para inovar, também é imprescindível que o restaurante esteja ativo online, que estabeleça uma ligação com os clientes através das suas redes sociais e que aplique estratégias de marketing de forma quotidiana. Convidamo-lo a ler estes artigos sobre estes temas:

Como fazer um plano de marketing para restaurantes / com template incluído

Os 7 passos da gestão online de restaurantes

7 experiências insólitas em marketing de restaurantes

Assim sendo, esperamos que a inovação faça parte da gestão do seu restaurante, para que possa oferecer experiências extraordinárias aos seus clientes e para que estes respondam com uma fidelização à prova de fogo.

O futuro já está aqui e damos tudo por tudo!

Outros artigos que lhe poderão interessar

TheFork Atrair clientes - Um restaurante mais saudável atrai mais clientes

Conselhos

Um restaurante mais saudável atrai mais clientes

TheFork Erros no perfil do Facebook do restaurante - Atrair clientes

Conselhos

Erros no perfil do Facebook do restaurante

Conselhos

Enviámos 1000 pessoas, num mês, para este restaurante…

Fale connosco Partilhe a sua experiência e a sua opinião connosco preenchendo o formulário abaixo. A sua avaliação interessa-nos.

Junte-se aos mais de 40 000   restaurantes já inscritos no TheFork- Experimente o TheFork sem compromisso -