Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhos

A frase “não há vinhos maus, mas sim diferentes paladares” é frequentemente repetida no nosso sector e é bastante acertada. É por isso que para fidelizar clientes no restaurante, seja ideal ter uma carta de vinhos bastante sortida, já que não há fórmulas exatas na altura de agradar os clientes. Também se costuma dizer que os clientes definem as qualidades de um restaurante segundo a sua carta de vinhos”. O que significa que a variedade e a eleição da oferta, são os dois aspetos mais tidos em conta.

Está satisfeit@ com a carta de vinhos do seu restaurante? É uma ajuda para fidelizar clientes?

Leia a seguir um miniguia para fazer com que os seus clientes se tornem fanáticos da sua carta deste elixir dos deuses.

O que se deve ter em conta na elaboração da carta de vinhos?

TheFork Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosA oferta gastronómica

Primeiro de tudo deve-se eleger vinhos que combinem bem com a comida. Um restaurante de peixe, por exemplo, poderia ter uma maior oferta de vinhos para este tipo de produto (brancos, rosés secos, tintos jovens, espumante), da mesma forma que um restaurante de carnes, com os vinhos tintos. Ou um restaurante japonês, cuja cozinha abrange peixe, porco, vitela, crus e fritos, necessitaria dispor de uma oferta de vinhos variada em acidez, corpo e frescura que combine com todos os seus pratos.

Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosA origem

Com a tendência do saudável, os clientes já não se surpreendem com as grandes marcas ou com os produtos muito elaborados. Antes pelo contrário. Preferem os vinhos da região, provenientes de adegas familiares médias ou pequenas, que representem um consumo mais justo e sustentável. Assim sendo, avaliar a oferta de vinhos da zona, seria o segundo ponto a ter em conta. Hoje em dia, encontrar vinhos ecológicos na carta reflete muito bem o restaurante.

Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosO tipo de cliente

O consumo de vinho mudou completamente nos últimos anos. Se antes era um produto mais tradicional, consumido por um cliente mais maduro, hoje o vinho está ao alcance de todos. Especialmente os clientes jovens, que encontram no vinho uma forma sofisticada de consumirem bebidas alcoólicas, para acompanhar as suas refeições. Neste sentido é importante dar-lhes a opção de o pedirem em copo, pois é uma forma mais fácil de consumo.

E o que querem os millennials?

Os clientes nascidos dos anos oitenta para a frente, encontram no vinho um valor social, como assim o demonstram nas suas redes sociais. Não há pautas para melhor os satisfazer, mas há sim tendências:

  • Gostam do bom vinho a bom preço. Não dão muita importância à variedade, mas sim à relação qualidade-preço.  “copo de vinho” para este tipo de cliente
  • São influenciáveis pelas opiniões online de outros clientes, de influencers e da comunidade digital em geral.
  • Costumam gostar de vinhos elaborados com uvas tempranillo, frutados, suaves e fáceis ao paladar na altura de os combinar com a comida.
  • Amam os descontos. Para os fidelizar com a carta de vinhos, será muito estratégico oferecer-lhes promoções e descontos com frequência, sempre tendo em conta a qualidade.

Fidelizar os amantes do vinho

Para fidelizar os clientes mais exigentes, há que lhes oferecer uma experiência mais completa. De início fixar-se-ão na escolha dos vinhos e na variedade, e depois na informação que recebam da oferta. Costumam mostrar grande interesse pela história que está por detrás de cada garrafa, das adegas e qualquer outro dado que os surpreenda. Aqui o sumiller tem um papel muito importante.

São os clientes perfeitos para aplicar a técnica de upselling, já que estão dispostos a pagar por vinhos mais caros e exclusivos, se o pessoal os souber vender.

Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosO vinho da casa

Ter um vinho da casa é uma tradição que pode ser benéfica dependendo do tipo de negócio. Por exemplo, diz-se que os restaurantes mais elegantes não têm vinho da casa, pois é associado a baixa qualidade. No entanto, há outros negócios onde os clientes valorizam muito desfrutar de um bom vinho da casa e sentirem que poupam no seu orçamento. Caso o queira oferecer no seu restaurante, assegure-se de escolher um vinho agradável a vários paladares, que combine bem com diferentes pratos e evidentemente que seja rentável.

Pormenores na sua carta de vinhos…

Estando a seleção feita, é importante colocar estes dados na carta:

  • O nome do vinho e da adega.
  • O tipo de vinho, tinto, rosé, branco, etc.
  • O nome da denominação de origem.
  • A zona de produção.
  • O ano de colheita da uva.
  • O preço.

Também será muito útil colocar as características do vinho (suave, frutado, seco…) e até mesmo com que pratos ou sabores combina melhor, para ajudar os clientes a decidirem-se.

Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosO vinho como protagonista dos seus eventos

Uma excelente forma de fidelizar clientes é fazer provas de vinhos e workshops enológicos no seu restaurante. Outra é organizar eventos especiais para dar a conhecer os pratos da sua nova carta juntamente com a nova oferta de vinhos. Uma estratégia que pode promover com força nas suas redes sociais, através de vídeos ao vivo no Instagram e Facebook e inclusive convidando influencers do vinho para falarem da sua oferta.

Guia para fidelizar clientes com a carta de vinhosFidelizar clientes com a sua base de dados e carta de vinhos

Uma forma de saber quais são os vinhos que os seus clientes gostam, é registar os seus hábitos de consumo numa base de dados, como a de TheFork Manager. Uma ferramenta utilizada pelos nossos restaurantes associados, para apontar as preferências dos seus clientes e posteriormente analisar os seus hábitos de consumo através das estatísticas que gera o sistema. Como quais são os vinhos mais pedidos, quais menos, durante quais serviços, com que tipo de comidas, etc.

Se ainda não dispõe de TheFork Manager no seu restaurante, clique aqui.

As melhores cartas do sector

La Gaffe em Saint-Florent

O restaurante La Gaffe en Saint-Florent, é um dos mais reconhecidos em França pela sua oferta de vinhos. Tanto é assim que ganharam o prémio de a melhor carta de vinhos na categoria de restaurantes tradicionais e gourmets, no Tour des Cartes 2018.  O único concurso nacional que premeia as melhores listas de vinhos neste país de grande tradição vinícola.  

Rekondo em San Sebastián

Rekondo é um restaurante com 2 estrelas Michelin, situado em Donostia (Espanha), conhecido como “a universidade do vinho”, pois conta com mais de 127 000 garrafas provenientes de mais de 20 países. Uma adega excecional reconhecida como uma das melhores do mundo, e que também lhes permitiu receber diversos prémios nacionais e internacionais.

Como pode observar estamos numa época muito interessante para retirar o melhor proveito ao vinho, na altura de fidelizar clientes. Entrar num restaurante e encontrar uma variedade de vinhos nas suas mesas, é um excelente sinal. A vossa carta de vinhos está à altura do seu restaurante? Representa-os? É do agrado dos vossos clientes? Esperamos que todas as suas respostas sejam afirmativas.

Fale connosco Partilhe a sua experiência e a sua opinião connosco preenchendo o formulário abaixo. A sua avaliação interessa-nos.

Outros artigos que lhe poderão interessar

Junte-se aos mais de 65 000   restaurantes já inscritos no TheFork- Experimente o TheFork sem compromisso -

Junte-se à maior comunidade de restaurantes no mundo e desfrute de:

  •  Centralização de todas as reservas num único software
  •  Disponibilidade de lugares atualizada diariamente
  •  O seu restaurante reservável no TheFork, TripAdvisor e outros canais
  •  Plano personalizado da sala de refeições
  •  Botão de reservas no seu website, Instagram e Facebook
  •  O TheFork tem uma equipa dedicada e preparada para o ajudar
loading

Estamos a confecionar o seu pedido.

O seu registo continuará dentro de segundos

 

Dados do restaurante

Experimente e, se não ficar convencido, simplesmente cancele.

Dados de contacto