No marketing de restaurantes, a palavra Branding está cada vez mais na berra. Faz referência ao processo de construção de uma marca, e abrange todos os elementos que compõem a identidade de um negócio. Para um restaurante, desenvolver o seu branding é fundamental, pois permite diferenciar-se da concorrência, estabelecer uma conexão com os clientes e influenciar as suas decisões de compra. Nada mais nada menos!

Dentro deste processo, o logo é o grande ponto de partida. É como o forno para a cozinha. Imprescindível! Mas… Será que temos realmente consciência do quão importante é para a imagem do negócio? Ou entendemo-lo como um simples gráfico que serve para colocar na fachada? O logo do seu restaurante cumpre totalmente a sua função?

Se estiver a construir a imagem do seu negócio, avaliando-a ou renovando-a, este artigo ser-lhe-á muito útil. Anote esta informação e crie o logo mais efetivo para o marketing do seu restaurante:

1 – Comunique os vossos valores

  • Quais são as 3 palavras que melhor definem o seu restaurante?
  • Que qualidades caracterizam o seu negócio?
  • Como gostaria que os seus clientes descrevessem o estilo do seu local?

Responder a perguntas como estas, permitir-lhe-á saber o que deve transmitir o seu logo e o que não. Pelo que é fundamental estudar a filosofia do restaurante, a sua oferta gastronómica e os valores com os quais quer que os clientes o identifiquem.

Vejamos estes 2 exemplos:

O restaurante Beirut Bistro em Estocolmo, tenta destacar-se pela qualidade dos seus pratos de cordeiro e o seu estilo libanês. Dois valores representados no seu logo, através de uma tipografia que evoca esta cultura e a intensa cor que representa a oferta gastronómica.

Por outro lado, o restaurante New Level Café em Lisboa, está dirigido aos amantes do saudável, as suas receitas são tradicionais portuguesas e o seu estilo é moderno. Todas estas características são descritas no seu simples logo de cores terra e na sua tipografia fresca e jovial.

2 negócios diferentes, 2 logos diferentes.

Quanto melhor estiverem representados os valores da sua marca no vosso logo, mais forte será a recordação dos seus potenciais clientes sobre o negócio, o que os fará voltar com mais facilidade.

2 – Diferencie-se da concorrência

Como saber se a vossa ideia para o logo é realmente autêntica? Fazendo um estudo da sua concorrência!

Pode realizar uma investigação através da internet e redes sociais, para avaliar a imagem gráfica e especialmente o logo de outros negócios que tenham atributos parecidos aos vossos, e comprovar se os elementos gráficos eleitos, não foram utilizados ou pelo menos não da mesma forma que no seu logo.

TheFork - marketing para restaurantes - logo

Identifique pelo menos 10 concorrentes principais e assegure-se de que o logo que estão a criar, é o suficientemente diferente, para que os clientes não os confundam e os reconheçam claramente. Observar a concorrência também poderá ajudá-lo a detetar que tipo de coisas funcionam ou não, para as aplicar no seu processo criativo.

3 – Crie um logo versátil

Imagine que o ícone principal do logo do seu restaurante, é um frango, porque a vossa especialidade efetivamente são os frangos no espeto. Mas… acontece que o seu negócio cresceu e que diversificou a sua oferta gastronómica e os seus potenciais clientes vêm até si atraídos por outros produtos. O que aconteceria com o seu logo? Que seria a altura de o atualizar e de o tornar mais funcional. Por isso é melhor contar com um logo versátil desde o início, que o represente num sentido mais amplo.

Assim o fez a cadeia de cafés Starbucks em 2011, quando modificaram o seu logo, eliminando a palavra café e simplificando o ícone da sereia, para que os seus clientes os pudessem identificar não só com o seu produto estrela, mas também com outros produtos novos que estavam a ter grande êxito. Um logo que ainda mantêm e que tem funcionado ao longo do tempo.

4 – Escolha as cores perfeitas

Cada cor transmite sensações diferentes:

  • O vermelho e o laranja são cores quentes que evocam o elemento fogo e despertam o apetite. O amarelo também produz um efeito.
  • Por outro lado, o verde e o castanho, são associados aos produtos da natureza.

Assim sendo, podemos afirmar que as cores cálidas e terra, são perfeitas para a restauração, especialmente para representar a cor principal de um logo de restaurante. Indo de um extremo a outro, num restaurante de carnes assentam-lhe muito bem as diversas tonalidades de vermelho, e num , as diferentes tonalidades de verde.

As cores frias como o azul, o violeta ou o cinzento, por exemplo são menos apetitosas, não estão associadas ao prazer de comer, pelo que poderiam ser utilizadas como cores secundárias.

Regra geral, são necessárias duas cores para criar um logo. A eleição cromática poderia chegar até 4 tons, mas é melhor não ultrapassar este limite para evitar um efeito arco-íris que o tornaria informal e confuso. Lembre-se também de deixar espaços em branco para que o logo seja fresco e leve.

Poderá consultar a roda cromática oferecida por Adobe de forma gratuita neste link, e assim saber quais são as melhores combinações de cores para o marketing do seu negócio.

5 – Encontre a tipografia adequada

Outro elemento fundamental é o tipo de letra do seu logo. Para escolher a que melhor se adapta ao conceito do seu negócio lembre-se:

  • Que seja uma letra legível em todas as suas formas. Em maiúsculas, em minúsculas, em tamanho grande e em tamanho pequeno.
  • Que funcione em diversos formatos. Em formato digital (computadores, telemóveis, app´s), impresso em papel e no e material físico do local.
  • Que a letra escolhida tenha vários estilos (negrito, itálico, light, ultra light), para que a possa adaptar às diferentes comunicações que venha a realizar.

É recomendável utilizar no máximo três tipos de letra num logo. Uma para o texto principal e as outras para o slogan ou textos secundários, por exemplo. O natural é que sejam letras diferentes, mas que não gerem desordem, pois procuramos um logo compacto e forte.

É o caso do restaurante Yakitoro by Chicote em Madrid, cuja imagem gráfica tem 3 tipos de letras diferentes que formam uma unidade com sentido. A tipografia principal reflete o conceito da sua gastronomia asiática, e as outras duas servem para identificar o seu criador. No logo também encontramos cores cálidas e o ícone do fogo, que como já comentámos antes, é muito apropriado em restauração, pois atrai uma memória ancestral que nos abre o apetite e nos conecta com o prazer pela comida. 

Em marketing de restaurantes, o logo ideal também é…

  • Um logo limpo. A simplicidade é muito mais efetiva que sobrecarregado e pesado. É por isso que no marketing visual, um logo simples tem mais possibilidades de criar impacto nos clientes.
  • Um logo que transmite qualidade e profissionalismo. Mesmo que se trate de um negócio de comida rápida, com um conceito irreverente, é importante que o logo transmita confiança e segurança aos clientes.
  • Um logo que a equipa do restaurante goste.   são os principais embaixadores da vossa marca e quem realizará o marketing do restaurante, pelo que têm que se identificar com o logo. Por isso, crie tantas versões quantas as que necessitar, até encontrar aquela versão definitiva que todos gostam.

Já tendo criado um logo incrível para o vosso restaurante, lembre-se de o publicar em todos os seus canais digitais, web, redes sociais, página de TheFork e Tripadvisor, pois é a imagem principal que os clientes esperam encontrar nestas plataformas.

E como o branding é um tema extenso e vital no marketing de restaurantes, continuaremos a publicar mais artigos relacionados com este tema, para que consiga uma imagem de marca que apaixone todos tos seus clientes. Mantenha-se atento!

Outros artigos que lhe poderão interessar

TheFork - 5 erros para evitar no perfil de Instagram do restaurante publicidade dos restaurantes

Conselhos

5 erros a evitar no perfil do Instagram do restaurante

Conselhos

Crie a melhor imagem gráfica em marketing de restaurantes

TheFork O menu como ferramenta de marketing de restaurante

Ferramenta TheFork

O menu como ferramenta de marketing de restaurantes

Fale connosco Partilhe a sua experiência e a sua opinião connosco preenchendo o formulário abaixo. A sua avaliação interessa-nos.

Junte-se aos mais de 40 000   restaurantes já inscritos no TheFork- Experimente o TheFork sem compromisso -